Curso de pães caseiros ajuda produtores rurais a gerar renda extra

Grupo de alunos formado em Araçatuba (SP) se prepara para montar uma padaria e vender alimento para merenda escolar

Curso de pães caseiros ajuda produtores rurais a gerar renda extra

Em parceria com o SIRAN (Sindicato Rural de Alta Noroeste) e o Sebrae-ER Araçatuba, o SENAR-SP (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Estado de São Paulo) oferece o Curso de Processamento Artesanal de Pães como alternativa para geração de renda extra entre produtores rurais e suas famílias. O objetivo do programa de ensino é garantir uma melhora na qualidade de vida do trabalhador rural.

Entre as receitas ensinadas estão o tradicional pão caseiro de farinha de trigo, de cenoura, de beterraba, de fubá, de batata inglesa, de mandioca, pão arco-íris, pão de forma, pão integral e pão recheado com presunto e muçarela, além de um pão especial com alecrim, cebolinha, manjericão, orégano, alho, cebola e pimenta do reino.

O curso de pães caseiros também traz conhecimentos sobre receitas doces, como fatia húngara, pão estrela, rosca trançada, trança arco-íris e panetone.

“Adorei o curso todo, mas o pão que eu mais gostei mesmo de aprender a fazer foi o de ervas. Além de nutritivo, é cheiroso e delicioso”, contou Etelvina Silva de Azevedo, produtora rural, que participou do curso de pães caseiros junto de outros 14 participantes, no Assentamento Araçá, em Araçatuba (SP).

Como resultado, o grupo formado com Etelvina está se organizando para adquirir equipamentos, montar uma padaria, produzir pães nutritivos para merenda escolar das escolas municipais e, assim, conseguir uma renda extra.

Carga horária e programação

Em 16 horas de duração, divididas em dois dias com 8 horas por aula, os participantes recebem orientações sobre a escolha do local apropriado, higiene pessoal, do ambiente de trabalho, dos utensílios e equipamentos, características e tipos de farinhas, grãos e sementes, procedimentos adequados para alcançar os resultados esperados, e educação nutricional visando a promoção da alimentação adequada e saudável.

Para saber sobre a disponibilidade de turmas, consulte o sindicato rural de seu município.

Notícias Relacionadas:

Turismo rural: caravana ensina a alcançar visitantes com marketing da propriedade

Segundo consultor do Sebrae-SP, 76% dos turistas consideram importante soluções digitais no turismo rural

Conheça 3 técnicas de combate a incêndios no campo

Conheça 3 técnicas de combate a incêndios no campo

Com tempo seco, o inverno é marcado pela recorrência de queimadas

Café arábica é aposta de produtores no Vale do Ribeira

Café arábica é aposta de produtores no Vale do Ribeira

Projeto de apoio à cafeicultura no município de Barra do Turvo tem o incentivo do SENAR-SP