Projeto de venda virtual pode gerar até R$ 1,5 milhão em negócios

O Sebrae São Paulo realiza nesta quinta-feira (6) mais uma edição do 'Projeto Rodada de Negócios'; reunião acontece na sala virtual de forma gratuita

reunião de negócios

A expectativa é que seja movimentado R$ 1,5 milhão em negócios nesta quinta-feira, 6.

O projeto Rodada de negócios é realizado pelo Sebrae São Paulo e tem como objetivo conectar produtos rurais que queiram vender seus produtos com empresas interessadas na compra, a maioria, supermercado, varejões e distribuidoras.

A edição será virtual e é uma forma de trazer alívio para os produtores neste momento de crise.

De acordo com Rodrigo Mato, gerente estadual de projetos setoriais do Sebrae, a plataforma tem tido bastante resultado positivo.

“É uma ferramenta virtual que a gente tem, no qual a gente conecta o pequeno produtor do estado de São Paulo a grandes compradores”, comentou.

Quem pode participar da rodada de negócios?

Ainda segundo Rodrigo, qualquer produtor pode participar da reunião e vender seu produto. O encontro virtual é gratuito, tanto para o produtor rural, como para as empresas compradoras.

“É tudo gratuito. A gente convida todos os produtores rurais que vendem hortaliças, café processado, legumes e queijos frios, por exemplo. Portanto, é uma excelente oportunidade pra ele estar vendendo seus produtos, principalmente, nessa época de pandemia”, finalizou Matos.

Como funciona na prática

Cada rodada conta com até 200 pessoas. Primeiramente, o Sebrae selecionou dez compradores, como rede de supermercados e empresas de alimentos. Por outro lado, serão cadastrados 190 pequenos produtores que vão colocar à disposição seus produtos.

Os compradores indicam quais os produtos estão interessados e os produtores se cadastram ofertando que o produzem.

Saiba mais sobre o Rodada de Negócios, clicando aqui.

Notícias Relacionadas:

Covid-19: 3 dicas para evitar contaminações com maquinário e equipamentos agrícolas

Covid-19: 3 dicas para evitar contaminações com maquinário e equipamentos agrícolas

O SENAR-SP lançou uma cartilha com dicas para orientar o produtor a preservar sua saúde, de sua família e colaboradores no meio

Isenção de ICMS garante atividades do agro e estabilidade dos preços de alimentos, diz FAESP

Isenção de ICMS garante atividades do agro e estabilidade dos preços de alimentos, diz FAESP

A revogação do aumento de ICMS oficializada hoje, 15, pelo governo paulista foi recebida positivamente pela entidade

Após protesto na CEAGESP, governo paulista revoga aumento de ICMS sobre o agro

Governo paulista revoga aumento de ICMS sobre o agro após pressão do setor

A revogação foi publicada nesta sexta-feira, 15, no Diário Oficial, em três novos decretos