Vôos cancelados prejudicam exportações de frutas brasileiras

Aviões de carga estão sendo usados para ajuda humanitária por causa da pandemia do novo coronavírus

exportacaodefrutas

Exportadores de frutas do interior de São Paulo não estão conseguindo escoar a produção porque a maioria dos vôos com destino dos compradores foi cancelado. A solução, neste caso, seria o mercado interno. Mas, em função da pandemia da covid-19, também está com a demanda reduzida.

Conversamos com a família Lacarine, do município de Valinhos, que trabalha com frutas há mais de cinquenta anos, e a situação por lá é preocupante. “Sessenta por cento da produção é voltada para exportação pelo aeroporto de Viracopos, em Campinas, mas com o cancelamento da maioria dos vôos, não é possível embarcar mercadorias, desabafou o produtor rural Matheus Lacarine.

No ano passado, as exportações brasileiras de frutas passaram de 980 mil toneladas, sendo que 82 mil toneladas foram exportadas de avião.

Veja a reportagem completa, no vídeo abaixo:

Notícias Relacionadas:

Conheça 4 doenças que mais atingem suínos

Conheça 4 doenças que mais atingem suínos

Em São Paulo, o mercado de suínos está aquecido e com preços vantajosos ao produtor

Veja quais são as principais doenças que afetam o gado de leite

Pecuária de leite: veja como manter atividades mesmo com altas nos insumos

A escassez de chuvas e baixa nos reservatórios também dificultam a manutenção dos rebanhos

6 alimentos da roça ideais para consumir no inverno

6 alimentos da roça ideais para consumir no inverno

No período mais frio do ano, aposte em comidas que te ajudam a evitar doenças como gripes e resfriados