Sistema S: redução de verba ameaça capacitação de 270 mil produtores ao ano

Proposta do governo Bolsonaro pode afetar caixa de instituições como Senar, que atende trabalhadores rurais

Sem-título
Senar, Sistema S

Foto: Senar-MT

A redução orçamentária proposta pelo governo Bolsonaro ao Sistema S coloca em risco a capacitação de produtores rurais. É que a medida, defendida pelo ministro Paulo Guedes, pode afetar o caixa de instituições como o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), que atende anualmente 270 mil pequenos produtores, e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), que estimula um milhão de novos pequenos negócios todos os anos.

Com problemas no orçamento, o governo federal precisa reduzir os gastos públicos, e o Sistema S está na mira dos cortes. Na opinião do presidente do Sebrae de São Paulo, Tirso Meirelles, a redução de verba para educação e capacitação vai na contramão da necessidade de geração de empregos no país. “Se fizerem as mudanças que pretendem, é um retrocesso”, diz ele.

Segundo Meirelles, as instituições que compõem o sistema promovem a integração da cadeia produtiva e podem auxiliar o desenvolvimento regional. “Se você quer realmente agregar valor, dar emprego e renda, que é o que o governo pretende, o Sistema S consegue fazer isso”, afirma o presidente do Sebrae-SP.

Tirso Meirelles destaca o retorno que o investimento em capacitação e instrução traz para toda a sociedade. “A cada R$ 1 que você investe na área da agricultura, voltam R$ 3. Se nós investirmos em tecnologia, em inovação, em aprimoramento da mão de obra, R$ 100 milhões por ano, retornamos para a sociedade R$ 300 milhões.”

Ele afirma que o Sebrae faz 2 milhões de atendimentos, um milhão deles, voltados á pequena empresa. “Nós fazemos dois milhões de atendimentos no Sebrae, um milhão deles, à pequena empresa. “Veja a riqueza que isso traz, porque você tira pessoas que não estão trabalhando e traz para a formalidade, para que ela possa ter o seu desenvolvimento junto à sociedade. Você transforma muito mais”, afirma Meirelles.

 

Notícias Relacionadas:

SENAR-SP: curso de artesanato com folhas gera oportunidades a produtores

SENAR-SP: curso de artesanato com folhas gera oportunidades a produtores

Além de trazer uma nova fonte de renda para o meio rural, programa de ensino proporciona o resgate cultural às regiões

SENAR-SP explica o que fazer para obter mais vacas em lactação

SENAR-SP explica o que fazer para obter mais vacas em lactação

Número de animais em condições para produção de leite determina rendimento da propriedade

Saiba como conseguir qualidade em cafés naturais

Saiba como conseguir qualidade em cafés naturais

Com a safra castigada pela estiagem do ano anterior, agricultor precisa extrair produtos de alto nível para melhorar renda