Setor de flores projeta alta de até 15% nas vendas do Dia dos Namorados

Este é o 3º maior dia de comercialização para o segmento de floricultura

Setor de flores projeta alta de até 15% nas vendas do Dia dos Namorados

Celebrado neste sábado, 12, o Dia dos Namorados é marcado pelas manifestações de amor, que em muitas vezes se resumem a um presente bastante tradicional: buquês de flores. Para o setor de floricultura, a data chega com a promessa de alavancar as vendas, que sofreram baixa desde o início da pandemia do coronavírus – devido à necessidade do adiamento de festas de casamentos e do cancelamento de eventos.

De acordo com Renato Opitz, diretor do Ibraflor (Instituto Brasileiro de Floricultura), este período de quarentena tem causado mudanças no perfil de compras do consumidor, uma vez que viagens e visitas a bares e restaurantes não são recomendadas no momento. Conforme Opitz, o segmento vem recomeçando a ter saldo positivo desde o Dia da Mulher, em março, e no Dia das Mães, em maio.

A expectativa é de que o setor de flores tenha alta de vendas de 12% a 15% durante a data comemorada neste final de semana. Veja a entrevista completa exibida pelo Mercado & Companhia:

Notícias Relacionadas:

Turismo rural: caravana ensina a alcançar visitantes com marketing da propriedade

Segundo consultor do Sebrae-SP, 76% dos turistas consideram importante soluções digitais no turismo rural

Conheça 3 técnicas de combate a incêndios no campo

Conheça 3 técnicas de combate a incêndios no campo

Com tempo seco, o inverno é marcado pela recorrência de queimadas

Café arábica é aposta de produtores no Vale do Ribeira

Café arábica é aposta de produtores no Vale do Ribeira

Projeto de apoio à cafeicultura no município de Barra do Turvo tem o incentivo do SENAR-SP