Pulses: conheça as vantagens da produção e consumo das leguminosas secas

Este tipo de alimento é rico em proteínas, fibras, minerais e vitaminas e pode ser cultivado em todos os continentes

Pulses: conheça as vantagens da produção e consumo das leguminosas secas

Apontadas como o alimento do futuro, as pulses nada mais são do que leguminosas de grãos secos com reconhecido valor nutritivo. Na prática, as pulses são um grupo formado por 12 culturas, que inclui feijões, ervilhas secas, grão-de-bico e lentilhas. Em 2016, a ONU (Organização das Nações Unidas) alertou sobre a importância deste tipo de alimento, que é rico em proteínas, fibras, minerais e vitaminas e pode ser cultivado em todos os continentes.

Pelo mundo

Ao redor do planeta, temos o exemplo do homus preparado com grão-de-bico nos países do Mediterrâneo, assim como o prato chamado dal feito com ervilha ou lentilha, tradicional na Índia. Aqui no Brasil, claro, temos o arroz com feijão, uma preferência nacional.

Cultivo sustentável

As pulses ainda contribuem com sustentabilidade ambiental da Terra, uma vez que utilizam relativamente menos água do que outras culturas e enriquecem o solo com nutrientes, podendo elevar o rendimento das outras espécies, cultivadas em rotação de culturas.

Aplicações

Além de consumidos como grãos complementando pratos, as pulses podem ser empregadas na fabricação de hambúrguer vegetal, snacks, massa, sopas, panificados, molhos e sobremesas.

Notícias Relacionadas:

Grãos de café marrons vistos de cima

Café: conheça o melhor e o pior tipo de fermentação

Dúvida foi esclarecida por instrutor do SENAR-SP com exclusividade ao quadro Pergunta do Produtor

São Paulo: chuvas devem voltar no final da semana

Semana terá chuva intensa espalhada por São Paulo

De acordo com o Cemaden, passagem de frente fria trará precipitações para o estado paulista

copo de leite de búfala

Preço do leite na Alta Noroeste registra queda de R$ 0,23 por litro

Margens apertadas preocupam produtores de leite