Prorrogação de dívida agrícola é um direito do produtor rural

Senado aprovou a nova medida que prevê a prorrogação de dívidas pelo período minimo de 12 meses

CALCL RURAL

Com os reflexos da pandemia do novo coronavírus no setor agropecuário, uma série de medidas foram tomadas pelo setor e encaminhadas para o Governo Federal, entre elas, a prorrogação das parcelas em vencimento e com vencimento futuro, só que muitos produtores não estão conseguindo fazer a renegociação. Este foi um dos temas abordados pelo agrônomo Cláudio Brisolara, chefe do Departamento Econômico da Faesp – “Nós temos recebido muitas reclamações dos produtores porque não conseguem a negociação. A norma está nos manuais entregue para os bancos e precisa ser respeitada, é um direito do produtor.” – esclarece.

Claudio Brisolara foi entrevistado nesta quinta-feira durante o Família Nação Agro Contra o Coronavírus, confira a entrevista completa.

 

Notícias Relacionadas:

Pousada ao pôr-do-sol com árvores é opção para turismo rural

Inovação ajuda na retomada de turismo rural em São Paulo

Demanda por turismo rural deve aumentar com a flexibilização das atividades no estado

Preço da batata sobe

Falta de chuva faz preço da batata subir 76% em outubro

Cepea/Esalq prevê manutenção da valorização dos preços nos próximos meses devido ao “adiantamento da colheita” e baixo volume de chuva

Família Nação Agro explora mercado de cogumelos, apicultura e turismo rural

Durante a semana, projeto do SENAR-SP visitou os municípios de Sorocaba e Ubatuba