Produtores esperam que vendas de flores no dia das mães amenize prejuízo

No final de março, nós mostramos que 90% da produção foi descartada por falta de demanda

flores

O setor de flores e plantas ornamentais espera que o volume de vendas no dia da mães consiga ajudar a recuperar uma parte do enorme prejuízo causado pelo novo coronavírus. Durante o período de quarentena, as perdas já superam um bilhão de reais. Há uma semana floriculturas e gardens puderam voltar a funcionar em São Paulo. 

Veja reportagem completa, do repórter Antonio Petrin:

 

Notícias Relacionadas:

Pousada ao pôr-do-sol com árvores é opção para turismo rural

Inovação ajuda na retomada de turismo rural em São Paulo

Demanda por turismo rural deve aumentar com a flexibilização das atividades no estado

Preço da batata sobe

Falta de chuva faz preço da batata subir 76% em outubro

Cepea/Esalq prevê manutenção da valorização dos preços nos próximos meses devido ao “adiantamento da colheita” e baixo volume de chuva

Família Nação Agro explora mercado de cogumelos, apicultura e turismo rural

Durante a semana, projeto do SENAR-SP visitou os municípios de Sorocaba e Ubatuba