Produtores do setor de flores aguardam subsídio federal

O setor é muito importante para a economia porque emprega 200 mil trabalhadores diretamente. Na região de Atibaia, são 7 mil empregos diretos e cerca de 25 pessoas moram nas propriedades produtoras de flores e plantas ornamentais, por isso a necessidade de socorro governamental - "Pelo grande número de pessoas que dependem do setor, o

flores ok

Por Tobias Ferraz

O setor de flores e plantas ornamentais foi o primeiro a sentir as medidas de contenção para evitar o avanço do novo coronavírus.  As feiras e atacados do setor ficaram parados por duas semanas, aos poucos e sem muita oferta e procura, alguns pontos de atacado tentam recomeço, como o mercado de flores de Holambra.

Dirceu Hashimoto, vice-presidente do Sindicato Rural de Atibaia – SP, entidade que representa cerca de 7 mil produtores de flores lamenta a atual situação e busca alternativas – “O setor de flores tem boa interlocução com o Ministério da Agricultura, estamos tentando um subsídio com o Governo Federal, nossos representantes estão conversando em Brasília, diz.”

O setor é muito importante para a economia porque emprega 200 mil trabalhadores diretamente.  Na região de Atibaia, são 7 mil empregos diretos e cerca de 25 pessoas moram nas propriedades produtoras de flores e plantas ornamentais, por isso a necessidade de socorro governamental – “Pelo grande número de pessoas que dependem do setor, o subsídio é importante para evitar um problema social“, afirma Dirceu.

A Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, procurada pela equipe Família Nação Agro respondeu que está apoiando o setor com novos canais de venda analisando pedido de abertura dos gardens centers.

Acompanhe a entrevista completa com Dirceu Hashimoto na transmissão pelo Instagram da Família Nação Agro.

Notícias Relacionadas:

Carrapato do bovino: saiba o que é preciso para um controle efetivo do parasita no rebanho leiteiro

Carrapato do bovino: saiba o que é preciso para um controle efetivo do parasita no rebanho leiteiro

Secretaria de Agricultura orienta pecuaristas e desenvolve estudos para controle do carrapato com o uso de produto natural e controle biológico

Cafés especiais proporcionam inúmeras experiências sensoriais aos consumidores

Cafés especiais proporcionam inúmeras experiências sensoriais aos consumidores

De olho no mercado de café, cafeicultores brasileiros vêm investindo na produção de cafés especiais em busca de maior retorno financeiro

FAESP busca isenção de ICMS para leite

FAESP busca isenção de ICMS para leite

A saída do produto cru e pasteurizado, que era isenta, passará a ser tributada em 4,14%