Produtores de flores esperam linhas de crédito para fluxo de caixa

Os pequenos produtores rurais seguem buscando por alternativas para sobreviver durante a pandemia do Coronavírus e também evitar desperdícios de flores duramente afetado pela suspensão de feiras livre

flores

Por Tobias Ferraz

O jornalista Tobias Ferraz conversou com Valdemar Koga, que é produtor de plantas ornamentais e membro da Comissão de Horticultura, Flores e Orgânicos da Federação, e como muitos outros produtores do Setor, sente todos os impactos que o setor de flores enfrenta por causa da quarentena – “O setor de flores teve queda entre 60% e 70% na comercialização, as vendas estão muito difíceis”, diz Koga.

Valdemar levou o pedido de socorro aos produtores até a FAESP – “A FAESP comunica o Governo do Estado de São Paulo e o Governo Federal sobre as necessidades do segmento de flores e HF. Já conseguiu um auxílio para os produtores de HF, agora é preciso conseguir também para o setor de flores.” esclarece o membro da Comissão.

Veja a entrevista completa com Valdemara Koga – representante da Federação da Agricultura do Estado de São Paulo na Ceagesp.

Notícias Relacionadas:

FAESP busca isenção de ICMS para leite

FAESP busca isenção de ICMS para leite

A saída do produto cru e pasteurizado, que era isenta, passará a ser tributada em 4,14%

Consulta pública sobre regras para fabricação de queijo artesanal vai até 24 de janeiro

Consulta pública sobre regras para fabricação de queijo artesanal vai até 24 de janeiro

A proposta é estabelecer boas práticas agropecuárias para as queijarias

Abraleite negocia revogação do ICMS sobre o leite pasteurizado

Abraleite negocia revogação do ICMS sobre o leite pasteurizado

Caso a medida não seja removida, aproximadamente 6 mil produtores paulistas serão afetados com o aumento dos custos