Produtores de café aprovam mudanças no acesso ao crédito rural

Medida pretende destravar linha de crédito do BNDES para renegociação de dívidas no valor de R$ 5 bilhões

dinheiro

A Medida Provisória 897, também conhecida como MP do Agro, foi muito bem recebida pelos produtores rurais da região de Caconde, no interior de São Paulo. Segundo o presidente do Sindicato Rural do município a notícia veio ajudar especialmente aos produtores de café, que representam 80% da economia da cidade.

Com objetivo de estimular o investimento e o financiamento privado na atividade agropecuária, o texto da MP inclui iniciativas que visam reduzir as taxas de juros, ampliar garantias e aumentar a oferta de recursos. A medida ainda pretende destravar  uma linha de crédito do BNDES para renegociação de dívidas dos produtores rurais no valor de R$ 5 bilhões.

Notícias Relacionadas:

Tudo que você precisa saber sobre o Selo ARTE

Segundo o Ministério da Agricultura, mais de 200 mil produtores de queijo foram beneficiados até o momento

Grãos de café espalhados em mesa com xícara branca cheia de grãos

Mídias sociais aproximam cafeicultor de consumidor, aponta Sebrae

Gerente do Sebrae, Marcos Kremer falou sobre mudanças no mercado do café e como produtores trabalham no fortalecimento da cadeia

Três carreiras de grãos de café de cafeicultor de Caconde

Clima e mercado preocupam cafeicultor em Caconde

Presidente do sindicato rural de Caconde, Ademar Pereira, falou sobre como organização dos produtores tem fortalecido mercado do café