Produtividade de pecuária leiteira demanda gestão

Em tempos de crises, o pecuarista precisa se apoiar em vários elementos para seguir com a atividade, veja alguns na live de hoje

produtividade leite

Wander Bastos é produtor de leite, médico veterinário, membro da Comissão de Bovinocultura de Leite da FAESP e diretor da Abraleite. Durante entrevista ao programa Nação Agro Contra o coronavírus desta segunda-feira, 08 de junho, Wander comentou sobre o mercado do leite. Com problemas pontuais em algumas regiões do Brasil. “De forma geral, o mercado está fluindo e houve até recuperação no preço do leite spot, o índice Cepea aponta preço na casa dos R$2,20 pelo litro.” – afirma Wander.
Outro assunto de destaque é sobre o futuro da produção de leite, com vacas mais eficientes tanto na conversão dos alimentos como na produção de leite. Ele destaca cinco características que o produtor do futuro vai ter de administrar com maior rigor:

1. Índices zootécnicos do rebanho
2. Qualidade do leite
3. Gestão da atividade
4. Sanidade do rebanho
5. Nutrição

Com relação a nutrição da vacada, Wander destaca o aprimoramento no manejo dos pastos.”O produtor precisa adotar o pastejo rotacionado e melhorar a qualidade do capim.”
Acompanhe a entrevista completa com Wander Bastos.

 

Notícias Relacionadas:

La Niña demanda atenção dos produtores de frutíferas de clima temperado

Boletim da Seapdr traz prognóstico climático a recomendações fitotécnicas para vinhedos e pomares até dezembro

O universo dos fungos e a apicultura foram temas do Dia de Campo Seguro em Sorocaba

Empresário rural Iwao Akamatsu conta que 70 mil dos mais de 1,5 milhão de fungos foram estudados. Porém, há muito potencial a

Acordo entre Sindicafé-SP e Abics pretende estimular consumo de solúvel

Com a iniciativa inédita, produção de café solúvel estima um crescimento de 5% ao ano