Presidente do Sindicato Rural de Ourinhos pede mais apoio público ao setor do agronegócio

Em tempos de enfrentamento a Covid-19, a busca por reconhecimento do Setor ainda é uma batalha, para o líder sindical

brigadeiro

Eduardo Bicudo, o “Brigadeiro”, é  presidente do Sindicato Rural de Ourinhos , município do oeste Paulista, bem próximo a divisa com o Estado do Paraná.  Ao 72 anos, Brigadeiro é também um “brigador” pelo agro e pelos direitos do produtor rural, ele defende com emoção a campanha da Faesp/Senar ao estímulo do consumo de etanol – “O etanol é um produtor nosso, brasileiro, que gera milhões de empregos.  A campanha encabeçada pela Faesp é um sinal de respeito pelo setor.” – afirma o líder sindical.

Brigadeiro também destacou o sucateamento das Casa da Agricultura, modelo de atendimento, assistência técnica e extensão rural no estado de São Paulo até a década de 1990 – “O produtor rural já teve um lugar para receber orientação  e assistência técnica, hoje as Casas da Agricultura não têm dinheiro para nada.” – reclama.

Veja a entrevista com completa:

Notícias Relacionadas:

Setor de carnes realiza carreata contra aumento de ICMS em São Paulo

Setor de carnes realiza carreata contra aumento de ICMS em São Paulo

Ato contra medida do governo paulista contou com cerca de 1200 caminhões e 1500 pessoas envolvidas, segundo os organizadores

Estufa garante produção de hortaliças em períodos de chuvas

Estufa garante produção de hortaliças em períodos de chuvas

Apesar do alto custo, sistema protegido permite controle de temperatura e umidade e diminui risco de doenças

Grupo Interministerial irá elaborar Plano Nacional de Fertilizantes

Grupo Interministerial irá elaborar Plano Nacional de Fertilizantes

O plano tem o objetivo de aumentar a produção e oferta de fertilizantes nacionais, além de reduzir a dependência dos produtos importados