Em 5 anos área rural recua 50% na região de Sorocaba-SP

Crescimento de condomínios residenciais sobre áreas rurais e preço do IPTU estão forçando os produtores a deixarem o campo

Fonte: PixaBay

Nesta semana a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, manifestou a preocupação com o êxodo rural. Segundo ela, estimativas mostram que até 2050, sete em cada dez pessoas vão viver nos grandes centros. Em Sorocaba, no interior de São Paulo, os produtores já vivem essa realidade. Por lá a área rural reduziu 50% nos últimos 5 anos, dando espaço a condomínios residenciais. Em entrevista a equipe da Família Nação Agro, o chefe do departamento jurídico do Sindicato Rural de Sorocaba, Roberto Marcelo Filho, comenta o crescimento da população urbana e sobre a cobrança de IPTU em áreas rurais, desestimulando os produtores da região.

Notícias Relacionadas:

Pousada ao pôr-do-sol com árvores é opção para turismo rural

Inovação ajuda na retomada de turismo rural em São Paulo

Demanda por turismo rural deve aumentar com a flexibilização das atividades no estado

Preço da batata sobe

Falta de chuva faz preço da batata subir 76% em outubro

Cepea/Esalq prevê manutenção da valorização dos preços nos próximos meses devido ao “adiantamento da colheita” e baixo volume de chuva

Família Nação Agro explora mercado de cogumelos, apicultura e turismo rural

Durante a semana, projeto do SENAR-SP visitou os municípios de Sorocaba e Ubatuba