Foto: PixaBay

Cresce a infestação da mosca-do-estábulo no interior de SP

Secretaria de agricultura publicou resolução com recomendações de manejo para usinas e pecuaristas, mas o problema persiste no estado

O fim da queima da palhada da cana-de-açúcar fez aumentar a infestação da mosca-dos-estábulo, gerando prejuízos aos pecuaristas paulistas. Isso porque o acúmulo de matéria orgânica, como a palhada e a vinhaça, favorece a reprodução da mosca. A Secretaria de Agricultura do estado de São Paulo até publicou uma resolução com recomendações de manejo para pecuaristas e usinas, mas o problema persiste. A equipe do projeto Família Nação Agro esteve no município de Mirante do Paranapanema e mostra a situação por lá.

 

A Resolução nº 38, da Secretaria de Agricultura e Abastecimento de SP, traz orientações para o controle da mosca-dos-estábulos nas propriedades rurais. Para ler a íntegra do texto, clique aqui.

Notícias Relacionadas:

Cuscuz caipira é o destaque do programa Nação Agro desta sexta-feira

Milho: Alimento rico em fibras aceita várias formas de processamento

Primeira feira segura será realizada em São Paulo

Projeto pretende incentivar frequência de clientes com segurança

“Feira segura” promove venda de alimentos de produtores familiares em SP

Pagamento sem contato é uma das estratégias para a realização da primeira feira segura em SP