Clima desregulado prejudica produção de hortaliças em São Paulo

Com amplitude térmica atípica no começo de dezembro, produtor perdeu 30% da horta; temperatura foi de 7ºC a 30ºC em aproximadamente 24 horas

Fonte: Pixa Bay
alface americana, hortaliça, mulching

Foto: Marcos Paulo Mariano/Canal Rural

Amplitude térmica é a diferença entre as temperaturas máximas e mínimas durante determinado período. Essa variação, registrada de forma atípica no começo de dezembro, prejudicou as hortas de alface americana em Salesópolis, interior de São Paulo. No dia 9, a estação meteorológica mais próxima do município registrou 7,6ºC e, na data seguinte, os termômetros atingiram quase 30ºC.

A perda do produtor Nelson Makoto com a variação de temperatura chegou a 1.500 pés, equivalente a 30% do que plantou. Com a qualidade da verdura em xeque, o valor de venda cai o suficiente para ele pensar se vale mesmo a pena colher.

Para Makoto, o único jeito de evitar a situação seria uma casa de vegetação, mas o investimento não compensa. “O custo não bate com o que as pessoas estão acostumadas a pagar”, diz.

alface americana, hortaliça, mulching

Foto: Marcos Paulo Mariano/Canal Rural

Demanda fraca, cotações estáveis

Em dezembro, os preços ficaram estáveis na Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp), a maior central de abastecimento da América Latina.

O vendedor de verduras Wellington dos Santos conta que a procura não cresce tanto nas festas de fim de ano. “O pessoal procura mais a parte de frutas para uma ceia mais aprimorada e colorida. Aí a folhagem acaba ficando de lado”, afirma.

Cirlene Ferreira comprou alface americana pra vender no sacolão em Diadema, Região Metropolitana de São Paulo. Ela vai à Ceagesp pelo menos três vezes por semana. “O preço está bom”, conta, animada.

Segundo Ruth Sakagushi, que foi já produtora rural, os valores estão na média. Ela está aproveitando o período para fazer compras. “Todo mundo tem que ganhar; o produtor também”, fala.

Notícias Relacionadas:

Pousada ao pôr-do-sol com árvores é opção para turismo rural

Inovação ajuda na retomada de turismo rural em São Paulo

Demanda por turismo rural deve aumentar com a flexibilização das atividades no estado

Preço da batata sobe

Falta de chuva faz preço da batata subir 76% em outubro

Cepea/Esalq prevê manutenção da valorização dos preços nos próximos meses devido ao “adiantamento da colheita” e baixo volume de chuva

Família Nação Agro explora mercado de cogumelos, apicultura e turismo rural

Durante a semana, projeto do SENAR-SP visitou os municípios de Sorocaba e Ubatuba