Campanha de vacinação contra febre aftosa começa em 1º de novembro

Devem ser vacinados bovinos e bubalinos com idades entre 0 e 24 meses

Vacinação de bovinos e bubalinos contra febre aftosa

A segunda etapa da campanha de vacinação contra a febre aftosa no estado de São Paulo se inicia no próximo dia 1º de novembro. Agora, deverão ser vacinados bovinos e bubalinos com idade entre zero e 24 meses. O prazo para imunização se encerra em 30 de novembro.

De acordo com a Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, a expectativa é que sejam vacinados 4,6 milhões bovídeos que estão dentro desta faixa etária. Ainda conforme o órgão, mesmo com as medidas de combate ao coronavírus, as atividades relacionadas à imunização contra as doenças que apresentam alto impacto comercial e em saúde animal devem ser mantidas.

“É importante que os proprietários de bovinos e bubalinos busquem adotar medidas que minimizem o contato social para adquirirem as doses da vacina, entrando em contato com as revendas por telefone ou outro meio de comunicação à distância e agendando, quando possível, a entrega diretamente na propriedade rural”, diz o médico veterinário Adriano Macedo Debiazzi, do Programa Estadual de Controle e Erradicação da Febre Aftosa.

As declarações das vacinações devem ser realizadas preferentemente por meio eletrônico, através do sistema informatizado Gestão de Defesa Animal e Vegetal (Gedave), em www.gedave.sp.gov.br.

A data limite para entrega da declaração da vacinação é 7 de dezembro de 2020, devendo ser declaradas também os demais animais do rebanho como equídeos, suídeos, ovinos e aves.

Notícias Relacionadas:

São Paulo deve receber chuvas em sequência até início de junho

São Paulo: início da primavera será marcado por retorno das chuvas

De acordo com a Somar Meteorologia, a expectativa é de que alguns municípios recebam mais de 25 milímetros

cesta de orgânicos organizar a cadeia

SENAR-SP disponibiliza 5 cursos para manejo de orgânicos

Atendendo as necessidades dos produtores, agricultura orgânica une ciência e tradição em cultivo sem produtos sintéticos

6 dicas para melhorar a segurança da sua propriedade

6 dicas para melhorar a segurança da sua propriedade

Comandante da Polícia Militar mostra como medidas simples podem aumentar a proteção do produtor rural