Frutas e carnes magras são ideais para a alimentação no verão

Com a chegada do verão, as mudanças fisiológicas que ocorrem no organismo devem ser ajustadas a uma alimentação especial

Alimentação e hidratação são importantes no verão; veja o porquê

Com a chegada do verão, as mudanças fisiológicas que ocorrem no organismo devem ser ajustadas a uma alimentação especial. Nesta época, o metabolismo fica mais lento e, por este motivo, a quantidade calórica ingerida deve ser diminuída.

Seguem abaixo algumas recomendações para aproveitar o verão sem deixar de cuidar da saúde:

  • Evite consumir alimentos muito gordurosos, como chocolates, carnes gordas e frituras, pois dificultam a digestão e podem provocar mal-estar;
    Alimentos como arroz, macarrão e açúcar devem ser consumidos com moderação, evitando desta forma refeições muito pesadas; prefira os cereais integrais como fonte principal de carboidratos;
  • Dê preferência às carnes magras (peixes e aves), que devem ser grelhadas, cozidas ou assadas;
  • Aumente o consumo de saladas de folhas verdes, legumes, assim como frutas e produtos integrais (que contém fibras, pois são ótimas fontes de vitaminas, minerais e fibras e ao mesmo tempo leves;
  • Prefira os sorvetes menos calóricos e mais refrescantes como aqueles à base de água e polpa de frutas.
  • Alimentos com leite, gordura e ovos na preparação necessitam de refrigeração pois o calor aumenta a possibilidade de proliferação de bactérias que podem causar dor de cabeça, diarréia e vômitos. Nunca consuma estes alimentos em temperatura ambiente.

Além disso, nos dias quentes ocorre maior perda de líquidos e minerais devido ao aumento da temperatura corporal e à transpiração excessiva. Portanto, a ingestão de líquidos deve ser aumentada. O recomendado é ir bebendo água ao longo do dia e não esperar que a sede apareça, já que esse é um sinal de desidratação.

O consumo de água é tão importante porque é o principal componente do organismo: cerca de 70% do nosso peso é constituído de água. Essa quantidade não se dá por acaso, uma vez que a água possui inúmeras funções essenciais para o organismo. Dentre elas:

  • As reações que ocorrem no organismo são feitas na presença de água;
  • Favorece o transporte de nutrientes, moléculas e outras substâncias;
  • É essencial em processos como a digestão, aproveitamento e excreção de substâncias;
  • Atua como lubrificante nos processos de mastigação, deglutição, excreção e nas articulações, entre outros;
  • Ajuda a regular a temperatura corporal;
  • É necessária para o bom funcionamento dos rins, intestino e sistema circulatório;
  • Mantém o equilíbrio dos líquidos corporais.

A recomendação de consumo diário de água varia de acordo com alguns fatores como clima, atividade física, estado fisiológico, faixa etária e alimentação. Porém é recomendado, de forma geral, que se consuma no mínimo 2 litros de água por dia.

Além da água, para manter-se hidratado, alguns minerais e eletrólitos são de fundamental importância e eles estão presentes principalmente nas frutas, verduras e legumes.

Fonte: CODEAGRO (Coordenadoria de Desenvolvimento dos Agronegócios)

Notícias Relacionadas:

Geadas: prejuízos no café podem demorar até 3 anos para serem recuperados em São Paulo

Confira uma entrevista com Ademar Pereira, presidente do sindicato rural de Caconde, que analisa os impactos do frio na produção

Família Nação Agro: 3ª temporada do projeto começa nesta quinta

Confira o resultado do sorteio desta sexta-feira, 30 de julho

Até 20 de agosto, projeto do SENAR-SP irá sortear prêmios a quem acessar vídeos exclusivos

São Paulo recebe frente fria, mas apenas região costeira deve ter chuvas

Em São Paulo, semana terá nova frente fria a partir de quarta-feira

Apesar da previsão de frio, começo da semana deve ser marcado por temperaturas mais elevadas