Acordo entre Sindicafé-SP e Abics pretende estimular consumo de solúvel

Com a iniciativa inédita, produção de café solúvel estima um crescimento de 5% ao ano

acordo-sindicafe-abics

O Sindicato da Indústria de Café do Estado de São Paulo (Sindicafé-SP) e a Associação Brasileira da Indústria de Café Solúvel (Abics) firmaram nesta terça-feira, 27, um acordo de cooperação técnica para adotar ações de interesses comuns entre as entidades. Com a iniciativa, indústria de café solúvel estima crescimento de 5% ao ano.

Diretor de relações institucionais do Sindicafé-SP, Aguinaldo José de Lima ressalta a necessidade da indústria em aumentar o consumo de café solúvel no Brasil, atualmente o maior produtor e exportador de café do mundo e segundo maior consumidor. “No Brasil, apenas 5% do café consumido é solúvel. No resto do mundo, esse número é de 30%”.

Por isso, o acordo buscará ampliar o portfólio de produtos para as indústrias de solúvel e torrefação e moagem, agregando mais valor e estimulando o consumo.

A cooperação prevê incorporação o módulo de capacitação em café solúvel, com a metodologia da Abics, nos cursos de baristas do Centro de Preparação de Café (CPC) do Sindicafé-SP, e desenvolvimento de receitas de gastronomia e bebidas com café solúvel para aplicação em cafeterias.

Além disso, de acordo com Lima, a parceria irá organizar eventos de promoção e divulgação do café solúvel. “O setor cafeeiro deve receber uma demanda maior se nossas campanhas tiverem sucesso”, disse. Com o aumento nas atividades da cadeia, o diretor do Sindicafé-SP espera que o produtor rural alcance maior valorização.

Notícias Relacionadas:

São Paulo deve receber chuvas em sequência até início de junho

São Paulo: início da primavera será marcado por retorno das chuvas

De acordo com a Somar Meteorologia, a expectativa é de que alguns municípios recebam mais de 25 milímetros

cesta de orgânicos organizar a cadeia

SENAR-SP disponibiliza 5 cursos para manejo de orgânicos

Atendendo as necessidades dos produtores, agricultura orgânica une ciência e tradição em cultivo sem produtos sintéticos

6 dicas para melhorar a segurança da sua propriedade

6 dicas para melhorar a segurança da sua propriedade

Comandante da Polícia Militar mostra como medidas simples podem aumentar a proteção do produtor rural