Estufa garante produção de hortaliças em períodos de chuvas

Apesar do alto custo, sistema protegido permite controle de temperatura e umidade e diminui risco de doenças

Estufa garante produção de hortaliças em períodos de chuvas

A produção de hortaliças em ambiente protegido, feito em bancadas dentro de estufas, é uma forma de se alcançar qualidade e produtividade em períodos chuvosos. Entre seus principais benefícios, as estruturas resguardam as plantações de danos causados pelas tempestades e de bactérias.

Porém, os produtores relatam uma dificuldade para a instalação das estufas: o preço. De acordo com um levantamento do sindicato rural de Mogi das Cruzes (SP), o custo médio por metro quadrado é de R$ 150. Valor que é distribuído entre sustentação, lonas plásticas, telas, irrigação e bancadas.

“O custo de investimento é muito alto. Temos que fazer financiamento para pagar aos poucos”, relata Yukio Yamakawa, produtor rural.

Entretanto, a lista de vantagens para o uso de sistemas protegidos é extensa e inclui controle de luminosidade, umidade e temperatura, entre outros fatores. “O sistema protegido é muito bom porque diminui a umidade relativa em comparação ao campo e faz com que diminuam as doenças fúngicas e bacterianas”, afirma Alberto Yamakawa, estudante de engenharia agronômica.

Veja a matéria completa exibida no Rural Notícias:

Notícias Relacionadas:

Tudo que você precisa saber para fazer o Cadastro Ambiental Rural

Tudo que você precisa saber para fazer o Cadastro Ambiental Rural

Registro é obrigatório aos imóveis rurais, assentamentos de reforma agrária e áreas de povos indígenas

Clima e fungo prejudicam produção de caqui em Mogi das Cruzes

Clima e fungo prejudicam produção de caqui em Mogi das Cruzes

Segundo a secretaria de Agricultura do município, seus 916 hectares irão produzir 36 mil toneladas do fruto, 10% a menos que a

Conheça as melhores raças de bovinos para produção de leite no Brasil

Conheça as 5 melhores raças de bovinos para produção de leite no Brasil

Na bovinocultura de leite, o homem do campo precisa extrair o máximo de seu rebanho com números cada vez mais reduzidos de