Programa de erradicação da brucelose e tuberculose na pecuária nacional

No Dia de Campo Seguro desta quinta-feira (20), o programa de erradicação da brucelose e tuberculose será um dos temas discutidos

vacina para erradicação

O Programa Nacional de Controle e Erradicação da Brucelose e da Tuberculose Animal (PNCEBT) foi instituído em 2001 pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Nesse sentido, o objetivo do programa é diminuir o impacto negativo dessas zoonoses na saúde humana e animal. Além disso, promover a competitividade da pecuária nacional.

Dessa forma, o PNCEBT introduziu a vacinação obrigatória contra a brucelose bovina e bubalina em todo o território nacional e definiu uma estratégia de certificação de propriedades livres ou monitoradas.

O regulamento técnico do Programa Nacional de Controle e Erradicação da Brucelose e da Tuberculose Animal – PNCEBT, instituído em 2001, foi revisto pela Instrução Normativa SDA nº 10, de 3/03/2017. O programa tem por objetivo reduzir a prevalência e a incidência dessas doenças em bovinos e bubalinos, visando a erradicação.

A brucelose é causada pela brucella abortus, e a tuberculose, causada pelo mycobacterium bovis, vem sendo registradas em todo território nacional, conforme verificado em estudos de caracterização epidemiológica padronizados realizados em diversos estados do país.

(Fonte texto: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – Mapa)

Programa de erradicação da brucelose e tuberculose será tema no Dia de Campo Seguro em Cruzeiro (SP)

Para falar desse assunto, o evento convidou a diretora técnica da divisão do Escritório de Defesa Agropecuária (EDA) de Guaratinguetá, Ana Paulo Belch.

O Dia de Campo Seguro vai falar também sobre o Programa de erradicação da febre aftosa. Para esse tema, o palestrante será Thiago Rocha, assessor técnico da Federação da Agricultura e Pecuária de São Paulo (Faesp).

Por fim, veja a programação:

Data: 20/08/20 – 15H – Cruzeiro (SP)

  • Programa de erradicação de tuberculose e brucelose – Ana Paulo Belch, diretora técnica da divisão EDA Guaratinguetá.
  • Programa de erradicação da febre aftosa – Thiago Rocha, assessor técnico da Faesp.

Para assistir de onde estiver, acesse:

Site: www.nacaoagro.com.br
Instagram: @canalrural
YouTube do Canal Rural

Notícias Relacionadas:

Pousada ao pôr-do-sol com árvores é opção para turismo rural

Inovação ajuda na retomada de turismo rural em São Paulo

Demanda por turismo rural deve aumentar com a flexibilização das atividades no estado

Preço da batata sobe

Falta de chuva faz preço da batata subir 76% em outubro

Cepea/Esalq prevê manutenção da valorização dos preços nos próximos meses devido ao “adiantamento da colheita” e baixo volume de chuva

Família Nação Agro explora mercado de cogumelos, apicultura e turismo rural

Durante a semana, projeto do SENAR-SP visitou os municípios de Sorocaba e Ubatuba