Prevenção da mastite e alimentação do gado de leite são debatidos em Santa Rita do Passa Quatro

No interior de São Paulo, evento deu dicas para equilíbrio alimentar do gado de leite e alertas sobre transmissão de doença no rebanho

Prevenção da Mastite e Alimentação do Gado de Leite são os temas principais do Dia de Campo Seguro em Santa Rita do Passa Quatro

A importância do controle da mastite – doença que pode comprometer toda a produção de leite da propriedade rural – e a nutrição de gado de leite foram temas do Dia de Campo Seguro, em Santa Rita do Passa Quatro.

Aldo Rezende, consultor do Sebrae-SP, falou sobre a nutrição de gado de leite, destacando os impactos e a importância da dieta balanceada na produção leiteira. De acordo com Rezende, “a alimentação representa o maior custo da produção leiteira e, por isso, os produtores precisam focar toda sua energia na gestão da atividade”. Entre outros pontos, ele esclareceu o que é preciso levar em consideração na hora de balancear uma dieta: “é preciso considerar a raça, o desempenho (produção de leite), o escore corporal das vacas, a composição do leite (porcentagem de gordura), a fase de lactação dos animais e o status reprodutivo do plantel. O objetivo é ter o menor custo e a maior produção”.

O médico veterinário Wander Bastos tratou do controle de mastite, doença que mais traz prejuízos para os produtores de leite. Segundo Bastos, um dos principais fatores que levam ao aparecimento da doença na propriedade é a falta e/ou falha de higiene durante a ordenha “A mastite é uma inflamação, que pode chegar à infecção, das glândulas mamárias. Existem dois tipos: a clínica e a subclínica. A primeira é visível no leite; a segunda não. A doença tem dois modos: o contagioso e o ambiental. O contagioso é o mais comum e geralmente ocasionado por erros humanos, como a falta de higiene do ordenhador que não lava as mãos entre uma ordenha e outra e acaba sendo o agente transmissor da doença de uma vaca infectada para uma vaca saudável, e a deficiência na limpeza dos equipamentos de ordenha, entre outros modos de transmissão”.

O presidente do Sindicato Rural de Santa Rita do Passa Quatro, Sergio Donizetti Carnielli, destacou no evento as ações realizadas para contribuir para o sucesso dos produtores rurais: “O Sindicato está com diversas novidades para os associados em relação a estudos, cursos, assessoria. Toda sexta-feira temos plantão com assessoria jurídica para os produtores. O nosso consultório para atendimento com dentista está voltando a funcionar. E a partir de 2021 contaremos com um agrônomo. Estamos trabalhando para melhorar o atendimento e oferecer mais serviços para os associados”.

Abaixo, assista às palestras do Dia de Campo Seguro:

Projeto Família Nação Agro é uma iniciativa do Sistema FAESP/SENAR-SP para capacitar, promover e incentivar o produtor rural do estado de São Paulo.

Notícias Relacionadas:

Em novo formato, Técnica Rural volta à programação neste domingo

Em novo formato, Técnica Rural volta à programação neste domingo

Com exibição às 6h30, o programa será dividido em 4 videoaulas sobre temas relevantes para produtor rural, sua família e propriedade

Com preço dos grãos elevados, fazer ração na propriedade pode ser seguro e barato

Com preço dos grãos elevado, fazer ração na propriedade pode ser seguro e barato

Especialistas alertam para que produtores atentem para a qualidade durante a busca por alternativas aos grãos

Confira 4 passos para iniciar uma horta orgânica

Confira 4 passos para iniciar uma horta orgânica

O cultivo no quintal ou propriedade rural tem funcionado como válvula de escape para passar o tempo na quarentena e até conseguir