Fonte: Pixabay

Litro do leite A2 vale 10% mais que o convencional

Leite A2 está ligado a uma proteína mais digestível, mas nem por isso livre de alergias. Patente caiu em 2016 e demanda deve crescer

A produção de leite com a proteína A2 tem sido uma alternativa lucrativa para alguns produtores. O preço do litro do produto vale até 10% mais que o leite convencional.

A nutricionista e consultora técnica da Abraleite, Andrea Esquivel, explica que a produção é igual à do leite convencional, a diferença está na identificação genética dos animais envolvidos no cruzamento, que precisam ter o gene para a proteína beta-caseína A2.

Veja os detalhes na entrevista:

 

A produção de leite A2 vai ser tema da Caravana Família Nação Agro em Areias, no interior de São Paulo, na próxima sexta-feira, dia 02. O encontro com os produtores será às 15h no Recinto de Exposições. A entrada é gratuita.

Notícias Relacionadas:

presidente do sindicato rural de taubate

Sindicato rural de Taubaté assume nova área de atuação no litoral

Com nova gestão, o sindicato rural de Taubaté passa a atuar no município de Ubatuba, litoral paulista, somando seis municípios da região

reunião de negócios

Projeto de venda virtual pode gerar até R$ 1,5 milhão em negócios

O Sebrae São Paulo realiza nesta quinta-feira (6) mais uma edição do 'Projeto Rodada de Negócios'; reunião acontece na sala virtual de

horta urbana orgânica

Produtos regionais podem ganhar mais espaço no mercado pós-pandemia

Agregação de valor ao produto agropecuário e os benefícios do certificado da identidade geográfica podem ajudar nas vendas pós-pandemia